top news

Gestão

Consumo consciente de água também no salão

Quinta, 19 Março 2015 15:59

O salão de beleza também precisa assumir sua responsabilidade para reverter ou amenizar o risco do apagão hídrico e, consequentemente, energético.

Com medidas bastante simples, dá para economizar água, ajudar o planeja e ainda reduzir despesas do salão. 

Envolver a equipe nas mudanças é importante pois dissemina a educação ambiental e a engaja no projeto. “A ordem é economizar”, diz Carlos Oristanio, da Oristanio Consultoria e um dos maiores especialistas nacionais em gestão de salões de beleza. Gê Marques, proprietária do Gê Beleza Hair & Style, em Indaiatuba (SP), sabe bem disso. “Estamos muito preocupados com a situação. Afinal de contas, o nosso negócio, depende totalmente da energia elétrica e da água”, defende. 

Veja atitudes simples listadas pelos consultores de AMABELEZA que ajudam a economizar sem prejudicar a qualidade dos serviços:

- evitar acúmulo de lixo e de cabelo solto nos lavatórios e não usar água para retirá-los

- instalar pedais de controle de abertura e fechamento da água nos lavatórios

- eliminar vazamentos 

- captar água da chuva para uso em banheiros e quintais

- substituir lâmpadas incandescentes por fluorescentes

- instalar sensor de presença nos ambientes com menor frequência de público

- fazer manutenção periódica das instalações e dos aparelhos elétricos

- investir em aquecimento a gás em vez de elétrico para água dos lavatórios

- determinar quantos minutos cada serviço deve levar: desde a lavagem do cabelo até a realização de tratamentos e químicas no lavatório

Texto: Carmen Cagnoni

> Carlos Oristanio (11) 3064-7301 / www.oristanioconsultoria.com.br

> Gê Beleza (19) 3834-4176 / 3834-8755 / www.gebeleza.com.br

Related items

Todos os direitos reservados * Copyright 2015 * Revista Estetica * Edizioni Esav s.r.l. * email: contato@amabeleza.com.br * Privacy Policy login | Powered by coolshop

popup - Wisepops - script

Cookies - BR