top news

Notícias

Cabelos e Suas Histórias: O mágico pente dos anciões

Quinta, 16 Abril 2015 17:39

Presente no cotidiano há milhares de anos, o pente é testemunha da evolução da aparência de homens e mulheres ao longo da história.

  

Nas fotos você pode ver alguns dos lendários pentes ancestrais encontrados no Museu de História do Cabeleireiro de Raffel Pages. São pequenos tesouros do patrimônio da humanidade e do cabelo... Há pentes com mais de 500 anos!  

 

Os primeiros pentes eram feitos de madeira, osso, e em algumas civilizações, metal. Sua função, séculos e séculos mais tarde, não mudou muito: é um acessório básico para embelezamento, cuidados e manutenção, simples e fácil de usar, compartilhado por todas as culturas e sociedades ao longo do tempo.  

 

Os primeiros pentes foram encontrados em tumbas egípcias. Alguns dos desenhos mais sofisticados não só foram usados para pentear e arrumar o cabelo, mas também como elemento decorativo dos penteados. Mais tarde, na Idade Média, os pentes alcançaram a categoria de objetos litúrgicos e alto valor simbólico. Na Idade Moderna, materiais como marfim e casca de tartaruga foram frequentemente usados para criar pentes refinados como o da família Medici.  

 

A verdadeira democratização do pente veio no século XIX, a partir da invenção do nylon, criado em 1861 pelo inventor britânico Alexander Parkes. Onde foi mostrado que o produto poderia ser transformado em ferramentas de uso diário, como o pente de plástico.

  • Goth



  • Gothic



  • Egípcio



  • Merovingian



  • Pentes Incas



  • Viking



  • Pentes do Nepal e do Peru



  • Medieval em bronze



  • Pente Italiano



  •  

Related items

Todos os direitos reservados * Copyright 2015 * Revista Estetica * Edizioni Esav s.r.l. * email: contato@amabeleza.com.br * Privacy Policy login | Powered by coolshop

popup - Wisepops - script

Cookies - BR